Julho não tem registros de mortes por Covid em 55% dos municípios do RS

  • 21/07/2021
Estrela é o maior município sem óbitos este mês, segundo levantamento da Secretaria Estadual da Saúde. Estado tem 32.831 vítimas do coronavírus, 1.433 delas nas últimas três semanas. Julho não tem registros de mortes por Covid em 55% dos municípios do RS Embora tenham sido confirmadas 32.831 mortes por Covid no Rio Grande do Sul até esta quarta-feira (21), a pandemia dá sinais de contenção. Segundo a Secretaria Estadual da Saúde (SES), em 277 dos 497 municípios do estado (55%) não houve o registro de nenhum óbito pela doença em julho. Para o epidemiologista da Universidade Federal de Pelotas (UFPel), Pedro Hallal, a vacinação — e, mais do que ela, o seu ritmo — é fundamental para este cenário mais positivo do que nos meses anteriores do ano. "Nos próximos meses já vamos perceber melhorias sensíveis. Vamos perceber o público voltando para o estádio de futebol devagarinho, poderá ter um barzinho, um cinema com um pouco mais de gente. Mas voltar ao normal, entre novembro deste ano e fevereiro do ano que vem", projeta. Foram registradas 1.433 mortes cuja causa foi o coronavírus nas três primeiras semanas do mês. A maioria se concentra nos municípios mais populosos. Estrela, cidade de 34,1 mil habitantes no Vale do Taquari, é a maior a não registrar um óbito em julho. Já são 44 dias sem identificar uma morte causada pela Covid. "A comunidade está muito consciente que não é hora de escolher vacina. É hora de fazer a vacina. Estamos fazendo de 1 mil a 1,3 mil em uma manhã", afirma o secretário municipal de Saúde, Celso Kaplan. Taquara, na Região Metropolitana de Porto Alegre, teve o óbito de uma mulher de 81 anos, ocorrido na sexta-feira (16), confirmado pela SES nesta tarde. Antes disso, estava desde 28 de junho sem registrar uma vítima da Covid. Além disso, a ocupação dos leitos de UTI no Hospital Bom Jesus caiu, nos últimos 15 dias, de 65% para 23%. A prefeita Sirlei Silveira atribui este desempenho ao avanço da vacinação, principalmente em grupos de risco. "Estamos com 70% da população adulta com a primeira dose. Também investimos muito na testagem rápida da nossa população e na ampliação do Centro Covid. Apesar da queda no número de casos positivos e de mortes, avaliamos que ainda não é o momento de afrouxarmos os cuidados, mas que, sim, devemos seguir usando a máscara, higienizando bem as mãos e evitando aglomerações", afirma. Em Tio Hugo, no Norte do estado, a cidade de 3 mil habitantes registrou a última morte por Covid há mais de um mês e meio. O município também não tem nenhum morador com diagnóstico positivo ou caso suspeito da doença. "Nós procuramos, desde o início da vacinação, fazer a busca ativa junto à nossa comunidade. Imunizamos todas as pessoas acima de 60 anos a domicílio com a primeira dose e também com segunda dose. E, conforme nós estamos baixando a faixa etária, continuamos fazendo essa busca ativa", comenta o prefeito Gilso Paz. Na Região Central, Novo Cabrais, cidade de 4 mil habitantes, completou dois meses sem registrar óbitos por Covid. O município também não tem morador hospitalizado, e o último caso positivo já está em fase final do período de isolamento. A prefeitura considera que as medidas restritivas somadas à vacinação ajudaram a devolver a tranquilidade. Vídeos: RBS Notícias Initial plugin text

FONTE: https://g1.globo.com/rs/rio-grande-do-sul/noticia/2021/07/21/julho-nao-tem-registros-de-mortes-por-covid-em-55percent-dos-municipios-do-rs.ghtml


#Compartilhe

Aplicativos


Locutor no Ar

Peça Sua Música

No momento todos os nossos apresentadores estão offline, tente novamente mais tarde, obrigado!

Top 5

top1
1. barões da pisadinha part. fernando e sorocaba

amor da despedida

top2
2. tierry e marilia mendonça

hackearm-me

top3
3. Israel e Rodolfo

batom de cereja

top4
4. malu

disco arranhado

top5
5. Zé vaqueiro

meia noite

Anunciantes